Banner Expo Agosto
Sonoriza Som
Câmara dos Deputados

Comissão de Educação debate a participação do jovem no processo eleitoral

Depositphotos Mais de 1,1milhão de jovens tiraram o título de eleitor neste ano A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados promove audiência ...

05/08/2022 11h30
Por: Marcos Umeres
Fonte: Agência Câmara de Notícias
17
Mais de 1,1milhão de jovens tiraram o título de eleitor neste ano - (Foto: Depositphotos)
Mais de 1,1milhão de jovens tiraram o título de eleitor neste ano - (Foto: Depositphotos)

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados promove audiência pública na próxima segunda-feira (8) sobre o engajamento do jovem eleitor no processo democrático.

A deputada Lídice da Mata (PSB-BA), que pediu a realização do debate, afirma que é essencial para a democracia incentivar jovens e adultos a participarem do processo de escolha dos representantes políticos e da fiscalização da atuação dos eleitos.

A parlamentar afirma que, apesar de o número de alistamentos eleitorais realizados nos três primeiros meses de 2022 ter aumentado em relação às duas últimas eleições gerais no Brasil, "alguns dados comprovam que o cenário não é tão otimista".

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estima que o Brasil tem cerca de 10 milhões de adolescentes entre 16 e 17 anos. De janeiro a março, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o Brasil ganhou 1.144.481 novos eleitores nessa faixa etária. Mais do que emitido em 2018 (877.082) e em 2014 (854.838).

Apesar do engajamento de instituições e até de artistas para estimular os jovens a tirarem o título de eleitor, a série histórica do TSE mostra uma tendência de queda no alistamento eleitoral de adolescentes. "Em 2012, por exemplo, foram mais de quatro milhões de pedidos para tirar o título de eleitor entre os que tinham de 15 a 18 anos, marca que não foi ultrapassada de lá para cá", comparou Lídice da Mata.

Já a deputada Professora Rosa Neide (PT-MT), que também sugeriu a audiência, quer discutir o impacto das fake news nesse processo eleitoral.

Foram convidados para participar do debate, entre outros, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Edson Fachin, e a presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE), Bruna Brelaz.

A audiência será realizada no plenário 10, às 10 horas, e poderá ser acompanhada ao vivo pelo portal e-Democracia.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários