Quarta-Feira, 28 de Outubro de 2020 Fale Conosco Redação: (45) 9.9934-0761
Três dicas de feng shui para o quarto que vão ajudá-lo a dormir melhor
Comunidade escolar de Marechal Rondo vota “sim” ou “não” para implantação de colégios cívico-militares
Professora da UFPR/Palotina lança livro “Professores em tempo de pandemia: manual de sobrevivência”
Seis alimentos ricos em ácido fólico. Entenda a sua importância
Paraná lidera ranking nacional com 57 mil empregados pelas Agências do Trabalhador
Câmara aprova denominação de rua em homenagem ao pastor Mario Hort
Marechal Cândido Rondon registra mais um óbito por Covid-19
Condutor perde controle do veículo e derruba poste no interior de Marechal Rondon
Cocaína dentro de paçocas são encontradas na cadeia de Marechal Rondon
Ex-BBB Diego Alemão é denunciado por lesão corporal, ameaça, desacato e embriaguez ao volante pelo MP do Paraná
São Miguel Futsal vence o Toledo por 7 a 5 na LFP
Colégios cívicos-militares: Oeste tem 12 municípios e 22 instituições contempladas; votação acontece hoje e amanhã
Caminhão guincho perde controle e cai em cima de automóvel em São Miguel do Iguaçu
Arquiteto de PG lança livro de comédia autobiográfica
Hemonúcleo pede doações de sangue de pessoas recuperadas da Covid-19, em Foz do Iguaçu
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Palmeiras vira rei do empate e Luxa se irrita com debate por desempenho

Brasil | 24/09/2020 | 18:01 |

O Palmeiras vive sua maior série de invencibilidade nos últimos oito anos, por conta principalmente de empates. Sem perder há 17 partidas, o time de Vanderlei Luxemburgo conseguiu oito vitórias nesta sequência, mas empatou mais vezes: nove, sendo o mais recente nesta quarta (23), contra o Guaraní (PAR), na Libertadores. A entrevista pós-jogo voltou a mostrar o incômodo do treinador com o debate entre o desempenho e os resultados em 2020.

Satisfeito pelo 0 a 0 no Defensores del Chaco, que manteve o Palmeiras na liderança do Grupo B da Copa Libertadores e a um ponto da classificação, Luxa não gostou das perguntas questionando o que faltou para a equipe jogar melhor e criar mais perigo. O tom foi diferente daquele que o comandante viu no vestiário, com jogadores e comissão técnica realizados por cumprirem o objetivo.

"Minha preocupação era sair com o empate ou a vitória. Nem sempre você joga no nível ideal, joga pelo resultado e o resultado foi muito importante, nos deixou próximos de uma classificação. Respeitando a pergunta, sabíamos que iríamos enfrentar um adversário intenso e que com certeza ia buscar uma vitória. O empate foi bom para nós e para eles. Temos mais um ponto para nos classificar. A Copa Libertadores, se você abrir muito, sai de campo com uma derrota", justificou.

O Palmeiras fez 32 jogos nesta temporada, venceu 16 deles, empatou 14 e perdeu apenas dois. A tendência é de que o time tenha mais empates do que nas últimas cinco temporadas - foram 19 em 2019, 18 em 2018, 12 em 2017, além de 16 em 2016 e 13 em 2015.

A última vez que o Palmeiras ficou tantos jogos sem perder foi entre novembro de 2011 e março de 2012, quando chegou a 22 partidas de invencibilidade. Aquela sequência, mesmo maior que a atual, teve menos empates: 14 vitórias e oito igualdades.

Apesar destes dados, Luxemburgo considera que o Palmeiras tem tido resultados relevantes em 2020: além do título paulista, está no G4 do Brasileiro e invicto na Libertadores, com três vitórias e um empate. Enquanto os torcedores nas redes sociais questionam mais uma vez o desempenho, o técnico considerou novamente exageradas as críticas que sua equipe recebeu.

"Parece que perdemos o jogo pelas perguntas", reclamou. No momento mais complicado da temporada, no início do Campeonato Brasileiro, Luxa já considerava pesadas demais as análises de sua equipe. O time apresentou evolução e conseguiu bons resultados contra Red Bull Bragantino, Corinthians e Bolívar (BOL). Só que no Brasileiro vem de uma sequência de dois empates, contra Sport e Grêmio, após sair na frente do placar.

Com jogo marcado no domingo (27) contra o Flamengo, pelo Campeonato Brasileiro, se o Palmeiras empatar mais uma vez na quarta que vem (30), contra o Bolívar, no Allianz Parque, garantirá uma vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores. O jogo está marcado para as 19h15.

| Fotos: Notícias ao Minuto |
PUBLICIDADE
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL
Arena Society
Divulgação, Locação de Som e Luzes
Tradição e qualidade nos mínimos detalhes! Agende seu horário!
Point Drink's, o Point especializado em Drink's
Contrate Sonoriza Som