Sonoriza Som
Anuncie Aqui
Inovação, Mode...

Startup de marmitas personalizadas expande negócio com apoio de edital do Estado

Com mais de 10 mil refeições entregues e 350 clientes cadastrados, a Partuu, de Curitiba, tem como propósito ajudar indivíduos a terem uma rotina ...

15/05/2024 22h57
Por: Marcos Umeres
Fonte: Secom Paraná
Foto: Gabriel Pires/SEI
Foto: Gabriel Pires/SEI

Criada em 2021, a startup curitibana Partuu criou uma plataforma que entrega semanalmente um kit de refeições personalizadas, adequadas ao paladar e rotina de seus clientes, que apontam o que querem no sistema virtual. A proposta é auxiliar não só na economia de tempo, já que o consumidor não precisa preparar as refeições, mas também promover uma alimentação mais equilibrada e saudável.

A empresa foi uma das 68 selecionadas no primeiro edital do programa Paraná Anjo Inovador, promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Inovação, Modernização e Transformação Digital (SEI), para incentivar projetos inovadores.

Christiane Patruni, CEO e co-fundadora da Partuu, teve a ideia para a startup quando percebeu que os únicos momentos que tinha para cozinhar para sua família eram no final da noite ou de madrugada, depois de um dia inteiro trabalhando. Quando não tinha tempo para cozinhar, acabava tendo que recorrer a fast foods.

A sociedade da startup é composta também pelo marido de Christiane, José Augusto Patruni, que atua na área jurídica, comercial e de logística da empresa, e o filho, Leonardo Patruni, que atua na parte financeira e operacional.

A plataforma funciona com um serviço personalizado. Ao se cadastrar, o cliente é levado para um chat no qual informa suas necessidades, preferências alimentares, orçamento e se prefere receber as marmitas congeladas ou resfriadas. Com base nessas informações, a equipe da startup elabora um cardápio com apoio de um nutricionista. O cardápio é encaminhado para ser preparado pelos cozinheiros parceiros da plataforma. Por fim, a Partuu agenda a entrega das refeições no dia e horário escolhidos pelo cliente.

O sistema de cozinheiros parceiros é mais um diferencial da Partuu. Segundo Christiane, os profissionais cadastrados na plataforma são escolhidos por meio de um processo para garantir a qualidade dos produtos oferecidos. “Eles precisam ter CNPJ e formação ou experiência mínima comprovada. Também devem saber as técnicas de manipulação de alimentos, passar por uma fase de degustação e de vistoria do local de preparação das comidas, além de uma série de outros requisitos”, explica.

“Depois de uma análise de mercado, percebemos a falta de tempo das pessoas em cuidarem da alimentação. Com a plataforma, o cliente demora menos de 5 minutos para fazer o seu cadastro. Desta forma, economiza tempo e mantém uma alimentação balanceada com seus pratos preferidos. Além disso, os cozinheiros parceiros produzem as refeições com alimentos naturais e saudáveis”, explica Christiane.

Entre os exemplos de cardápios montados pela Partuu estão refeições com frango grelhado com molho, strogonoff de carne, lombo suíno, peixe assado, além de arroz com linhaça, feijão, nhoque à bolonhesa e diversas preparações de legumes. O valor médio varia entre R$ 20 a R$ 35 por refeição.

A startup atua em duas frentes: a primeira é ajudar indivíduos a terem uma rotina mais tranquila, sem abrir mão da qualidade de vida. Já a segunda, é permitir que cozinheiros locais e fornecedores de alimentos sejam impactados por meio da geração de renda extra. Em dois anos de atuação, a empresa já vendeu mais de 10 mil refeições e conta com 350 clientes cadastrados, além de ter gerado mais de R$ 200 mil em renda extra para os cozinheiros parceiros.

EXPANSÃO– Atualmente a Partuu está em fase de expansão. Com o aporte financeiro proveniente do Paraná Anjo Inovador, a startup, que até então vinha atuando com o projeto-piloto, lançará o aplicativo da plataforma, que contará com uma melhor usabilidade para o consumidor final, além de aumentar o portfólio de cozinheiros parceiros.

“Tudo o que construímos até o momento foi com investimento próprio e reinvestindo toda a receita da empresa para o crescimento dela mesma. Então, o incentivo do Anjo Inovador tem sido fundamental para conseguirmos dar os próximos passos da Partuu e crescer cada vez mais”, afirma a CEO.

ANJO INOVADOR– O Governo do Estado já lançou um novo edital de chamamento público para destinar até R$ 20 milhões para até 80 startups paranaenses. Criado em 2023, o Paraná Anjo Inovador é o maior projeto do Brasil de incentivo financeiro destinado às startups. No primeiro edital, o programa desenvolvido pela SEI destinou R$ 17 milhões em subsídio exclusivo para as empresas paranaenses enquadradas por lei como startups.

Somando os dois editais, o Governo do Estado irá investir quase R$ 40 milhões por meio do programa, visando o avanço da modernização do Paraná e o desenvolvimento de soluções de interesse público alinhadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), da Organização das Nações Unidas (ONU).

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Marechal Cândido Rondon, PR
Atualizado às 02h04
Tempo limpo Máxima: 18° - Mínima:

Sensação

1.47 km/h

Vento

81%

Umidade

Anuncie Aqui
Redes Sociais
Sonoriza Som
Anuncie Aqui
Blogs e colunas
Anuncie Aqui
Sonoriza Som
Últimas notícias
Sonoriza Som
Anuncie Aqui
Mais lidas
Anuncie Aqui
Sonoriza Som
Sonoriza Som
Anuncie Aqui